segunda-feira, 5 de novembro de 2007

andar de avião em direcção ao pôr-do-sol fez-me pensar que é o mesmo que viajar 1h para o futuro sendo que no local de partida onde o sol já se pôs a hora é determinada com uma hora a menos que no local de chegada onde o sol ainda se está a por




depois de tamanho pensamento mas não tão grande como a imensidão de todo um céu abarcado pelo meu olhar nem tão único como as as cores bonitas daquele pôr-do-sol apercebi-me que fusos horários é invenção humana e que talvez por isso a minha teoria não estivesse assim tão correcta encolhi os ombros fechei os olhos e acabei por sorrir afinal de contas continuei a viajar para o pôr-do-sol e isso por si é já um mágico privilégio

1 comentário:

careca disse...

"voar em direcção ao pôr-do-sol"
palavras belas...