domingo, 9 de novembro de 2008

Quando for grande, quero ser mulher polícia.

Guimarães teve cheiro a castanhas quentinhas, olhar de passeios de (re)conquistas, sabor a picnic's debaixo de chuva miudinha, e albergou uma certa Joan agradavelmente surpreendente: nunca um vestido brilhante num corpo magro e esguio, um cabelo em desalinho e mãos que dançam em pianos ou guitarras combinaram tão bem com a dor de uma voz quente e ampla e a simpatia de uma mulher polícia.
(O site dela.)
(A foto tirada daqui.)

2 comentários:

j. disse...

:)
o meu fim de semana também trouxe momentos quentinhos, mas ao som de Nouvelle Vague :) foi bonito, bonito! :)
ueres ser mulher policia? eu cá quero ser enfermeira ;)
beijinho

Susana disse...

Deve ter sido realmente bom, mas tal como a menina de cima disse, no dia 8, os Nouvelle Vague também aqueceram bastantes corações no TSB. Não é comparável, mas é muito bom também.

=) *